Nesse espaço especial quero viajar e dividir minha paixão por papel e pela Silhouette.
Claro que não pode faltar na bagagem a Silhouette Cameo!
Se quiser um CUPOM DE DESCONTO para a compra da sua Silhouette, é só me pedir!!
Papel me inspira desde criança, me faz viajar...
Amo todos, desde aquele baratinho de embrulhar peixe na feira até os mais requintados e caros, cheios de texturas e cores.
Cada post será uma viagem pelas minhas experiências (boas e ruins, porque nem todo dia o céu está azul..) da decolagem até o pouso (nem sempre no lugar planejado) na criação de um projeto.
Quero mostrar compartilhar as novidades, lançamentos, truques e técnicas para que todos viajem comigo explorando as infinitas possibilidades desse mundo mágico.
Todos são muito bem vindos à bordo!

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Saiu o resultado do sorteio!!!!!

Olá Silhouetteiras!!

Chega de suspense!  Finalmente saiu o resultado do super sorteio da Silhouetteira!!!


Vamos às ganhadoras:


Silhouette Cameo - Hilda Cristina Nunes Costa 

Silhouette Portrait - Mariana de Castro Almeida Nascimento

Kit de acessórios Silhouette - Christiane Virginio de Oliveira Barbosa

Kit de produtos de empresas parceiras - Taíssa Wanzeller Ribeiro Gomes

Cada uma das sorteadas será contactada (via e-mail e/ou facebook) e deverá informar o endereço para o envio do prêmio até a próxima quarta feira, dia 20 de agosto.
Caso a vencedora não se manifeste, outro sorteio será realizado para aquele prêmio.
O prêmio será enviado via PAC, sem custo algum para a vencedora.

Parabéns, Silhouetteiras!!!

Aguardem que em breve teremos novos sorteios!!

Beijo, 

Karin

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Biblioteca da Silhouetteira

Olá Silhouetteiras!

Sejam bem vindas à bordo e acomodem-se confortavelmente em seus assentos de primeira classe para uma super novidade: a Biblioteca da Silhouetteira está no ar!


Há muito tempo venho sonhando com um espaço para publicar todos os freebies que desenho, seja dos DVDs, das postagens do blog ou das aulas presenciais e agora esse espaço se tornou realidade!


Vocês podem acessar a biblioteca pelo site ou clicando aqui.

Todos os arquivos são gratuitos e tem licença de uso livre, seja para fins pessoais ou comerciais.
NÃO É PERMITIDO VENDER OS ARQUIVOS DISPONIBILIZADOS AQUI.

Resumindo: você pode usar os arquivos para fazer projetos para uso próprio ou para clientes (e ganhar seu dindin), mas não pode vender os arquivos, combinado?


Minha proposta é que toda semana tenhamos novidades na Biblioteca.

Espero que vocês gostem da novidade e que nos visitem sempre.

Podem mandar sugestões de freebies que vocês gostariam de ver na biblioteca, será uma prazer atender aos pedidos na medida do possível.

Beijo, 

Karin

quarta-feira, 9 de julho de 2014

Soldadinho de Chumbo

Olá Silhouetteiras!!!
O post de hoje propõe um uso diferente para a já comum caixa em forma de sacolinha e também serve para mais algumas dicas sobre o tema composição.

Vamos montar uma embalagem com o tema Soldadinho de Chumbo (amo esse tema! Acho muito, muito elegante, chique, sofisticado e o esquema de cores é maravilhoso!!), partindo da sacolinha “3x4 apple favor box” by Lori Whitlock, que está disponível na loja online.

O download do arquivo do soldadinho pode ser feito gratuitamente aqui no formato v3 e aqui no formato v2.

Para esse projeto, abri o design na tela, desagrupei as partes e, usando as setinhas do teclado, desloquei o circulo das alças. Dei 10 toques na setinha para baixo e assim abaixar mais o círculo de baixo e 10 toques na setinha para cima e levantei mais a setinha de cima.
Agrupei tudo de volta e cortei no papel azul marinho.
Após o corte, usei a dobradeira para marcar muito bem os vincos.



Montei a caixa e reservei.
Usei fita banana para colar as duas camadas da tag. A camada externa é 1,5mm maior do que a interna e foi feita usando a ferramenta Deslocar do Silhouette Studio.
Esse fiozinho vermelho serve para isolar a estampa do papel liso e também para “levantar” o conjunto com um toque de cor.
A ferramenta de Deslocar é minha preferida no Studio, praticamente todos os meus trabalhos tem alguma parte criada com ela. Apesar disso, acho que vale aqui chamar atenção para um detalhe: o deslocamento só fica legal se for um detalhe. Se ficar grosso demais passa a ser mais um elemento pesado no conjunto e não fica bom.
Dificilmente uso um deslocamento maior do que 1,5mm.



Também com a fita banana, colei a tag sobre a sacolinha



Sobre a tag colei o soldadinho, com três pedaços de fita banana.
Economizar na fita banana é um tremendo mau negócio. Você pode até gastar menos, mas o trabalho fica desengonçado, as camadas acabam entortando e comprometendo o resultado final.
Agora é que vem a variação do uso da sacolinha. Em vez de usar as alças da sacolinha para cima, como sempre se faz, dobrei as alças para dentro (dobre com cuidado para não quebrar a fibra do papel. As laças tem que fazer uma curvinha e não dobrar de verdade) e colei uma sobre a outra.



Sobre a união das alças colei um lacinho Chanel feito com fita de gorgurão. O gorgorão é menos feminino do que o cetim porque tem menos brilho e é mais encorpada. Sobre o laço, um botão na mesma cor para dar acabamento.
Se fosse uma festa com tema feminino, teria a opção de variar com um laço de fita de cetim ou voil e dar acabamento com meia pérola ou botão.



Esse é o resultado da embalagem



Espero que tenham gostado e que aproveitem a ideia para muitos outros temas lindos!
Nos vemos no próximo post.
Beijo,

Karin

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Festa na fazenda é tema de menina sim!!!

Olá Silhouetteiras!

O post de hoje é bem fofo e tem como tema uma festa na fazenda.
Com esse post quero desmistificar o tema para as festas de meninas e também conversar com vocês sobre composição de um projeto.

Composição é o conjunto de cores, estampas, formas e posicionamento, que no final do trabalho pode resultar em um visual harmônico e equilibrado ou em uma montagem pesada ou que dá a impressão de estar incompleta.
Vou dar algumas dicas de como compor seu projeto para chegar ao melhor resultado.

O projeto que escolhi é um convite com janela.
O download do arquivo da base do convite pode ser feita gratuitamente aqui na V3 e aqui na V2.

A pequena fazendeira e o pintinho são arquivos da loja online e se chamam, respectivamente,’” Farmer Girl” by Stinkin Cute Paper Piercings’ e  ‘”Happy Chick” by Lisa Norris’.

O material básico: cola, fita banana, fita de cetim ou gorgorão, adesivo dupla face Silhouette e glitter.
O material opcional usado foi: caneta branca, chalk (ou giz pastel seco), lápis de cor.



O primeiro passo é opcional: usando o lápis de cor, faça traços que sigam o contorno do cabelo, para simular o movimento dos fios e dar profundidade.
Trabalhe com no mínimo três tons de marrom, começando pelo tom mais claro.



Com o giz pastel seco, faça um esfumaçado na borda do cabelo e das demais peças da fazendeirinha. Não se esqueça de fazer um rosado suave nas bochechas.



Com fita banana, cole a cabeça sobre a parte maior do cabelo. Também com fita banana, cole a “franja” sobre a cabeça.



Agora vamos começar a falar sobre a composição do convite.
Uma das formas de compor é usar diversos tons da mesma cor, do mais claro ao mais escuro ou diferentes padronagens  de mesma cor e tom.
Essa foi a minha escolha aqui, usei várias padronagens diferentes do mesmo rosa: liso, xadrez grande e pequeno, listrado.
Essa escolha não foi por acaso, eu queria um visual alegre e descontraído e a mistura de estampas proporciona isso.
Se fosse um trabalho mais clássico, o ideal seria usar uma padronagem única e dois ou três tons da mesma cor.
Usar várias estampas requer cuidados para o trabalho não ficar exagerado e pesado demais.
Um desses cuidados é não economizar no branco, que vai dar leveza.
Outra dica importante é sempre usar um recorte de cor solida para “isolar” uma estampa da outra e não criar um visual confuso.
Esse é o papel dessa bordinha rosa lisa, que vai separar a estampa xadrez da listrada.
Cole a borda desenhada por trás da base do convite.



Cole a borda lisa na outra extremidade do convite



Passe a fita por dentro da capa do convite, passando por dentro da janela. A cor da fita e ligeiramente mais forte do que o rosa predominante no convite, mas está bem próxima da parte mais escura do xadrez, então não “briga” com o conjunto.



Use cola pano para colar uma das extremidades da fita na parte central da frente. Depois, com a mesma cola, prenda o restante da fita até que dê a volta e se una à primeira ponta na frente do convite.
O objetivo aqui é que a fazendeirinha esconda a emenda da fita, dando um acabamento perfeito.



Use fita banana para colar a menina sobre emenda da fita.
Se quiser, use a caneta branca para fazer os pespontos da roupa. Pode parecer que não faz diferença, mas esse toquezinho de branco dá leveza ao conjunto.



Posicione  circulo liso atrás da janela e feche o cartão, para saber a posição em que ele deve ser colado na parte de dentro.



Cole o numero 2 sobre o deslocamento cortado em papel branco. O deslocamento branco serve para isolar o glitter do fundo branco e dar destaque, já que o tom de rosa é bem suave.



Remova a película protetora e coloque o glitter sobre a área adesiva.
Retire o excesso de glitter.



Cole o numero na área da janela, usando fita banana.
O pintinho foi colado também com fita banana, levemente sobreposto à janela, para reforçar o ar descontraído.
Como não resisto à um toquezinho de brilho, colei um strass rosa sobre cada laço do cabelo.

Agora é hora de falar um pouquinho sobre distribuição dos elementos.
Nesse projeto, o “peso” visual maior está do lado direito, na figura da menina, que tem cor, volume e um pouquinho de brilho.
Para equilibrar, do lado esquerdo tem uma janela que vai mostrar o elemento colado lá dentro do convite.
Como na menina já tem muita informação, a escolha foi de fazer a janela bem neutra, para não sobrecarregar o visual.
O fundo escolhido é liso e o glitter é rosa suave, nada exagerado.
Talvez você esteja se perguntando: porque não colocar um elemento de mesmo peso do lado esquerdo?
A resposta é simples: porque não há espaço para tanta informação. Se fosse um projeto maior, como um quadro, poderíamos investir em outro elemento de peso, porque a área maior permitiria fazer isso sem dar a impressão de que tem coisa sobrando.

Uma dica infalível é a seguinte: quando ficar na dúvida se tem coisa demais, pode ter certeza de que tem!!
Retire alguns elementos ou troque cores fortes por cores suaves, estampas por lisos, brilhantes por opacos.

Nos próximos projetos vou explorar outras possibilidades de composição para mostrar à vocês.

O resultado desse projeto ficou bem como eu queria: alegre, suave, descontraído, mas sem perder o charme feminino!





Obrigada pela companhia.

Espero ver vocês novamente no próximo post.

Beijo,



Karin

PS: me ajude a divulgar o blog clicando no botão G+1 logo abaixo desse post.
Obrigada!!!


terça-feira, 1 de julho de 2014

Novo Silhouette Studio V3

Olá Silhouetteiras, sejam bem vindas a bordo!!

O post de hoje é sobre o novo Silhouette Studio V3, que vai substituir a versão anterior.

À convite da Silhouette Brasil, venho testando a versão beta (experimental) há mais de dez dias, para aprender tudo sobre ela e poder passar para vocês.
São muitas mudanças, que podem a princípio assustar quem estava acostumado com o visual antigo.

Ainda existem alguns probleminhas no software por resolver, então não aconselho que façam o download do programa nesse primeiro momento. Aguardem mais um pouco, até que esses os probleminhas iniciais sejam solucionados.

MUITO IMPORTANTE:  Projetos criados com o V3 NÃO PODEM SER ABERTOS NAS VERSÕES ANTERIORES DO PROGRAMA e, provavelmente, os designs adicionados à loja online a partir da semana que vem já virão no novo formato, portanto quem fizer compras dos NOVOS DESIGNS apenas conseguirá abri-los se atualizar o programa.
Os designs anteriores e aqueles que já estão na sua biblioteca não devem ter nenhuma alteração.

Além da cara nova, o V3 tem várias ferramentas adicionais, que vão aumentar nossas possibilidades de trabalho. Claro que será preciso um tempinho de ajuste para aprender a usar e explorar essas novidades.
As novidades são:
- Nova interface para facilitar a navegação

-Novo gerenciamento de memória para permitir trabalhar com imagens maiores e criação de documentos - essa é uma ótima notícia e deve reduzir ou mesmo solucionar os problemas de lentidão causados pelo mau gerenciamento de memória. 

- Recurso de auto-salvamento

- Cortar por linha de cor

- Nova forma de visualização do corte antes de enviar para a Silhouette

- Selecionar objetos por cor (por cor da linha ou de preenchimento)

- Acesso direto ao scanner

- Ferramentas melhoradas de desenho (polígono, arco e mão livre)

- Corretor ortográfico

- Modo de corte tangencial, que proporciona cortes mais eficazes em materiais mais espessos e imagens em pequena escala

- Recurso de backup da biblioteca

- Ajustes avançados de corte

- Cortes por camada (apenas no Silhouette Studio Designer Edition)

- Importação de arquivos em PDF (apenas no Silhouette Studio Designer Edition)

- Melhor suporte aos arquivos em SVG (apenas no Silhouette Studio Designer Edition)

- Recurso de Aninhamento para melhorar o uso do papel (apenas no Silhouette Studio Designer Edition)

- Ferramenta de sombra (apenas no Silhouette Studio Designer Edition)


A primeira novidade é a abertura do programa, que apresenta as possibilidades de abrir a área de trabalho, a biblioteca ou a loja online



Nos menus do alto da página, também foram feitas algumas mudanças.
Na opção Arquivo > Escanear, temos acesso direto ao equipamento de scanner e transportar a imagem direto para o Studio



Também na opção Arquivo, agora existe um caminho para fazer o backup da biblioteca em um HD externo ou pendrive para segurança da sua biblioteca em caso de problemas no computador.



No caso de precisar formatar ou de comprar um computador novo, após instalar o Silhouette Studio basta clicar em Arquivo > Biblioteca > Importar Biblioteca para recuperar seus designs.

Esse processo de importação é monitorado pela Silhouette America para impedir a distribuição ILEGAL  de arquivos. Para fazer a importação será necessário fornecer a senha de acesso à loja online.



O menu de preferências passou a ser na opção Editar e não mais em Arquivo




Agora existe uma nova opção, a Silhouette, com atalhos para configurações de corte, marcas de registro e enviar para a Silhouette



Na opção Objeto, mais alternativas de edição:



Na criação de novos documentos, começam as novidades.
Toda vez que abrimos um documento, ele é criado com uma camada.



É possível nomear essa camada, clicando com o botão direito do mouse sobre o nome Camada 1



Quando criamos uma ou mais formas, elas estão na primeira camada. Também é possível renomear as formas, assim como fizemos com a camada.




Para criar uma nova camada, clicamos no símbolo de (+) na parte inferior direita da tela. Com essa nova camada criada, podemos colocar novas formas no projeto.



Clicando no ícone do olho, ao lado do nome da camada, é possível ocultar a camada, mas SEM DESATIVAR A LINHA DE CORTE.



Na hora de fazer o corte, podemos selecionar a opção de corte por camadas



Para desativar uma linha de corte, devemos clicar para desmarcar o ícone azul ao lado do nome da camada.



As linhas em vermelho forte representam os cortes que estão ativos, que serão cortados.
As ferramentas seguintes do Studio ( Abrir, Salvar, Salvar no cartão SD, Imprimir, Enviar para a Silhouette, Copiar, Colar, Excluir, Desfazer e Refazer) permanecem iguais às versões anteriores.
Na parte das ferramentas de Zoom aparece outra novidade, a de garimpar utilizando o Mouse.



Nas ferramentas de preenchimento com cor, degradê e padrão, a grande mudança é de design. Podemos agora abrir as opções avançadas na mesma página.





No Studio Designer Edition temos agora a ferramenta de Sombra, para criar esse efeito em projetos de Print&Cut.



Também exclusivas da versão Designer, as ferramentas de Desenho e de criação de moldes para o Rhinestone (strass), que já existiam nas edições anteriores do software, passaram apenas por mudanças de design




Minha queridinha, a ferramenta de Deslocar, também mudou para acompanhar a nova estética do programa, mas o funcionamento continua o mesmo.


Assim também ocorreu com as ferramentas de Rastrear,  de Configuração de Página e de Grade.





Nas Configurações de Corte as mudanças são grandes.

Talvez uma das mais importantes e que vai exigir adaptação de quem estava acostumado a trabalhar com o Studio antigo é que não existe mais a ferramenta Estilo de Corte, aquela da Tesourinha, onde definíamos Cortar Borda, Cortar Tudo, etc.

Agora, para definir que queremos cortar somente o contorno externo de uma figura (como nos projetos de Imprimir e Cortar), é preciso entrar nas opções avançadas da ferramenta de Configuração de corte, selecionar a opção Auto Consolidar, para que somente a linha de corte externa permaneça ativa.



Para ajustar as configurações de corte (velocidade, pressão, etc) de acordo com o material a ser cortado, agora temos que Selecionar ou adicionar uma nova mídia. Aí então é exibida a parte de ajuste das configurações de corte. O funcionamento a partir daqui é igual ao das versões anteriores do software.




Também nas configurações de corte, é possível selecionar a opção Segmento de Linha. Com essa opção marcada, o corte vai avançar um pouco além da margem do desenho. Essa função serve para garantir cortes de melhor qualidade em materiais mais espessos e mais precisão em cortes de peças pequenas.



A ferramenta de Conta gotas já existia na versão designer antiga, mas na nova mudou de lugar, passando da barra lateral esquerda para a barra inferior.



Também na barra inferior agora temos a ferramenta de selecionar por cor de preenchimento ou de linha



Novas ferramentas de desenho foram adicionadas nessa nova versão.

A primeira delas é a de polígonos. Quando selecionada, a forma que desenhamos com o mouse é automaticamente um pentágono (polígono com cinco lados). Conforme deslizamos com o mouse o "carrinho" sobre o eixo que fica ao lado da imagem, o numero de lados aumenta ou diminui.




Também temos a ferramenta de desenho de arco, onde é possível determinar o ângulo entre as duas linhas. Tanto esta quanto a ferramenta de desenho de polígonos, descrita acima, serão muito úteis na criação de embalagens e projetos em 3D.



Sei que a primeira reação diante de tantas novidades é susto e saudade do programinha que usávamos antes e que já conhecíamos tão bem, mas as novas ferramentas são muito interessantes e serão muito úteis no futuro.

Continuarei acompanhando a evolução do programa, atenta à todas as novidades para informar para vocês.

Reitero que minha orientação é para que ainda não atualizem seu programa, que aguardem as próximas postagens.

Contem sempre comigo.
Beijo,


Karin

PS: me ajude a divulgar o blog clicando no botão G+1 logo abaixo desse post.
Obrigada!!!